sábado, 3 de dezembro de 2011

Acidente na BR-116 deixa 36 mortos no interior da Bahia

 

Um acidente envolvendo um ônibus de turismo, que transportava trabalhadores rurais, uma carreta e um caminhão baú, no km 583 da BR-116, altura do município de Brejões (BA), 270 quilômetros a oeste de Salvador, deixou 36 mortos e 11 feridos, na madrugada de hoje. Os trabalhadores seguiam de Mato Grosso do Sul para Pernambuco, onde fariam um trabalho de corte de cana.
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, o trecho onde ocorreu o acidente, conhecido como Serra dos Cem, é uma ladeira com três faixas de rolagem, duas para subir e uma em descida.Por volta das 2 horas, o ônibus estaria fazendo a ultrapassagem do caminhão baú, na subida, quando o motorista da carreta, em sentido contrário, teria perdido o controle do veículo logo após fazer uma curva, atingindo o ônibus de frente.
Com o impacto, o veículo no qual estavam os trabalhadores rurais teria sido jogado contra o caminhão, que foi lançado para fora da estrada. De acordo com os relatos, o ônibus ficou completamente destruído. Trinta e um de seus ocupantes morreram no local e oito ficaram feridos. Cinco mortos e três feridos estavam nos outros veículos.

O acidente causou a interdição da rodovia nos dois sentidos, que durou até a manhã, causando longos congestionamentos. No início da tarde, parte da estrada ainda estava interditada, para limpeza da pista e conclusão da remoção dos veículos envolvidos, que foi feita com guinchos.

Os feridos, entre eles os motoristas do ônibus e do caminhão, foram encaminhados a hospitais de Jequié e Jaguaquara. Um deles, internado no Hospital Prado Valadares, de Jequié, está em estado grave. Os corpos foram levados para as sedes do Instituto Médico Legal de Jequié, de Brumado e de Vitória da Conquista.
ESTADÃO.COM.BR

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

A GUERRA NO TRÂNSITO DO BRASIL

 
 
O trânsito mata 80 mil pessoas todos os anos (as estatisticas oficiais não contam os que morrem pós-acidente). 1 milhão de pessoas ficam com seqüelas. Os acidentes de trânsito são a terceira causa de morte no Brasil, ficando atrás apenas das doenças do coração e do câncer e o segundo maior problema de saúde pública, perdendo apenas para a desnutrição. Morrem em média 200 pessoas por dia no país (abetran.org.br). Estes números são maiores que muitas guerras.

                                                    NÃO HÁ TEMPO A PERDER

Alguns destes números poderiam mudar, pois segundo o Dr. em Segurança do Trânsito, David Duarte Lima, o CINTO DE SEGURANÇA pode reduzir em 50% as mortes. O trânsito mata 4 vezes mais que os conflitos armados e o terrorismo no mundo.O SISTECC (Sistema Externo de Controle do Cinto), é 100% BRASILEIRO e está no DENATRAN/BRASÍLIA. Basta uma RESOLUÇÃO (não precisa passar pelo congresso). Dados da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, somente 3% (três por cento) dos adultos e 20% (vinte por cento) das crianças usam o cinto no banco traseiro e em geral, tanto nos bancos da frente como nos traseiros, segundo o Centro de Defesa das Vítimas de Trânsito, 71% (setenta e um por cento) de motoristas e passageiros não usam o cinto.
Tendo em vista todos os dados e problemas citados acima e no propósito de superá-los, foi desenvolvido O SISTECC (Sistema Externo de Controle do Cinto), através de lanternas de sinalização externas e no painel de automóveis. Ficará fácil fiscalizar o uso do cinto de segurança (VEJA DESENHO ACIMA). Motoristas e passageiros se verão OBRIGADOS a usarem o cinto, pois o dispositivo que indica o uso, É VISÍVEL DO LADO EXTERNO DO VEÍCULO. Ou seja: frente, traseira e painel, sendo possível desta forma visualizar a distância e sem parar o veículo, quem e quantos estão utilizando o cinto de segurança. 

MORRE UM BRASILEIRO A CADA 08 MINUTOS NO TRÂNSITO *

CINTO – NÃO DÁ PRÁ ESPERAR!

INOVAR PARA SALVAR

Negromonte chora e admite entregar cargo

O ministro das Cidades, Mário Negromonte (PP), chorou ao discursar durante evento nesta sexta-feira (25), em Salvador, e disse que pode deixar o cargo se sua permanência causar desconforto à presidente Dilma Rousseff.

O ministro baiano negou as irregularidades e atribuiu as denúncias ao fogo amigo de partidos aliados e também à discriminação contra nordestinos.

A pasta virou alvo de suspeitas de irregularidades no processo de mudança do modal de transporte de Cuiabá, uma das sedes da Copa de 2014.

Em MT, houve substituição de um parecer técnico favorável ao BRT (ônibus em corredores exclusivos) por outro defendendo o veículo leve sobre trilhos, o que encareceu o projeto, conforme noticiou ontem o jornal "O Estado de S. Paulo".

Durante evento do Minha Casa Minha Vida, em Salvador, ele recebeu apoio de políticos baianos e ficou com a voz embargada e lacrimejou ao citá-los no discurso.

"Não vou ficar de joelho para ninguém, não tenho apego a cargo, estou honrado em fazer esse trabalho. Se eu sentir que ela [a presidente] não me quer, vou lá e entrego o cargo, mas até agora nunca sinalizou", disse em entrevista à imprensa.

Ele contou que recebeu um telefonema do ministro Gilberto Carvalho (Secretaria Geral da Presidência) tranquilizando-o porque a presidente conhece os trâmites para a definição de projetos para obras da Copa.

Negromonte negou que haja irregularidades no projeto, que ainda nem foi licitado, e disse que mandou instaurar uma sindicância para apurar se os servidores agiram ilegalmente no processo de alteração do modal de Cuiabá.

"Não vou prejulgar, não vou culpar ninguém antes de julgar. A sindicância vai apurar se houve falha ou erro. Não vou passar a mão na cabeça de ninguém", afirmou.

Negromonte atribuiu as denúncias ao fogo amigo de legendas aliadas que têm interesses contrariados pelo Ministério das Cidades.

"Aqui e acolá tem meia dúzia da bancada insatisfeitos. Partidos da base aliada que têm interesse no ministério. É um ministério que contraria muito interesse", disse, citando os R$ 230 bilhões que a pasta gere em seus principais programas.
Tribuna da Bahia

RS: Motociclista fica em estado grave após acidente na zona Norte de Porto Alegre

Vítima foi atendida pelo Samu após colisão com carro na avenida Cristóvão Colombo

Um motociclista teve parte da perna amputada após um acidente com um carro na avenida Cristóvão Colombo, próximo à rua Felicíssimo de Azevedo, zona Norte de Porto Alegre, de acordo com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC). A colisão ocorreu por volta das 19h20min desta sexta-feira. Segundo a EPTC, a vítima foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em estado grave. 

Correio do Povo

RS: Motorista fica preso nas ferragens após acidente

Colisão envolvendo três veículos ocorreu na BR 392, em São Sepé

 Um acidente no km 337 da BR 392, no município de São Sepé, deixou um homem preso às ferragens, no fim da tarde desta sexta-feira. A vítima se envolveu em uma colisão envolvendo dois caminhões e um Honda Civic, por volta das 18h. A Polícia Rodoviária Federal, o Corpo de Bombeiros e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estão atentendo a ocorrência.


Após o acidente, o ponto registrou congestionamento.

Fonte: Renato Oliveria / Correio do Povo

domingo, 13 de novembro de 2011

RS: Deputado Chicão Gorski morre em acidente de trânsito

Carro colidiu contra duas árvores e pegou fogo no km 381 da BR 287, em Santiago

O deputado estadual Francisco Gorski (PP), de 54 anos, morreu às 3h10min deste domingo, em um acidente de trânsito no km 381 da BR 287, na localidade de Vila Branca, em Santiago, no Centro do Estado. Chicão, como era conhecido, voltava para o município depois de um encontro de prefeitos em São Pedro do Sul. Ele estava acompanhado da esposa, Luciane da Silva, de 33 anos, e do filho Marcelo Gorski, de 3 anos.

O Fiat Linea com placas de Santiago saiu da pista e colidiu contra duas árvores antes de pegar fogo. O Hospital de Caridade de Santiago informou que o deputado chegou sem vida à instituição. Luciane foi submetida a uma laparoscopia e passa bem, enquanto Marcelo não sofreu ferimentos.

O corpo de Chicão é velado no CTG Coxilha de Ronda, em Santiago, e o sepultamento ocorre nesta segunda-feira, pela manhã, no cemitério municipal. O governador Tarso Genro anunciou que decretará luto oficial pela morte do parlamentar.

Colegas lamentam morte

Políticos e colegas de Assembleia Legislativa utilizaram o twitter para lamentar a morte de Gorski. "Falei com familiares e dirigentes do PP para transmitir nosso pesar e profundo sentimento pela perda irreparável do nosso querido colega Chicão", informou o presidente da Assembleia, Adão Villaverde (PT). Para o deputado Alceu Barbosa Velho (PDT), a Assembleia "perde um grande defensor da agricultura".

"O deputado Chicão jamais mudou seu jeito de ser em função de exercer algum cargo. Era muito popular em Santiago, onde fez quase todos os votos", manifestou-se o deputado federal Jerônimo Goergen (PP). "Como todos, estou chocada com a morte do deputado Chicão Gorski, meu colega na AL. Força à família e pronta recuperação à sua esposa", escreveu a deputada Maria Helena Sartori (PMDB). O PP/RS divulgou nota de pesar em seu site.

Prefeito de Santiago duas vezes

Engenheiro civil e professor universitário de gestão pública, Chicão assumiu como deputado estadual pela primeira vez em 2011. É presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo da Assembleia Legislativa. Em Santiago, foi vice-prefeito (1997-2000) e prefeito por duas gestões (2001 a 2008). O deputado tinha sete filhos.

Com informações dos repórteres Danton Júnior e Renato Oliveira

Correio do Povo
 

domingo, 16 de outubro de 2011

Uma pessoa morre e três ficam feridas em acidente na BR-290 em Santo Antônio da Patrulha

Colisão lateral entre carro e ônibus ocorreu na madrugada deste domingo na altura do km 31,3 da rodovia

Uma colisão entre um carro e um ônibus deixou um morto e três feridos na BR-290 em Santo Antônio da Patrulha. O acidente ocorreu por volta das 5h deste domingo na altura do km 31,3 da rodovia.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal do município, um Fiat Uno branco, com placas de Santo Antônio da Patrulha, teria colidido lateralmente com um ônibus Scania, com placas de São Gabriel, no sentido Porto Alegre-Osório.

Ramon Flores Bandeira, 19 anos, passageiro do carro não resistiu aos ferimentos e morreu. O motorista do veículo Cristian Muniz dos Santos, 18 anos, foi levado com ferimentos leves para o Hospital de Santo Antônio da Patrulha. Outras duas adolescentes de 15 anos que estavam no veículo sofreram ferimentos graves e foram encaminhadas para o Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre.

ZEROHORA.COM
 

sábado, 15 de outubro de 2011

Batida frontal entre ônibus de turismo e caminhão deixa sete feridos graves no Oeste de SC

Coletivo seguia de Erechim (RS) para Foz do Iguaçu (PR), quando acabou atingido pela carreta

Um acidente entre ônibus com 33 ocupantes e caminhão na BR-282 em Nova Erechim, no Oeste de Santa Catarina, deixou sete pessoas gravemente feridas no fim da noite de sexta-feira.

A batida aconteceu perto do trevo de acesso à cidade por volta das 23h. O coletivo seguia de Erechim (RS) para Foz do Iguaçu (PR), quando foi atingido de frente pela carreta carregada de milho.

O caminhoneiro Osmar Gonçalves de Lima, de 47 anos, o motorista do ônibus Antonio Pezinatto, 43, e os passageiros Rosileane Salete Barbosa, 56, Vanderlei Mecca, Ademir Luzane, 45, Ivanir Maria de Mattos, 28, e Noeli Mocelin, 38, sofreram lesões graves e foram encaminhadas para o hospital regional de Chapecó.

Rosileane apresentava a situação mais crítica, segundo os bombeiros. Uma barra de ferro atingiu o abdômen da mulher. O grupo no ônibus seguia para o Paraná para uma viagem de turismo. Ele voltaria no dia 17 para o RS.

O caminhão estava carregado de milho. Após a batida, a carreta caiu num barranco às margens da rodovia. Parte da carga ficou espalhada sobre a pista. A rodovia ficou fechada para a limpeza e remoção das vítimas. Porém, os motoristas que trafegavam pela região conseguiram passar por um desvio.
DIÁRIO CATARINENSE

 

domingo, 18 de setembro de 2011

Chega a 18 o número de mortos em acidentes de trânsito durante o feriado no RS

                                          A contagem começou ao meio-dia de sexta-feira

Sobe para 18 o número de mortos no trânsito durante o feriado da Revolução Farroupilha no Rio Grande do Sul. O último acidente aconteceu na manhã deste domingo, no Noroeste do Estado.

Um jovem de 22 anos identificado como Bruno Gugel faleceu após colidir o veículo em outro carro na ERS-223, na localidade de Ibirubá. De acordo com o Comando Rodoviário de Passo Fundo, por volta das 10h da manhã deste domingo, um automóvel gol chocou contra uma caminhonete da marca Hyundai, próximo ao Km 55 da rodovia. O condutor do gol faleceu no local e o motorista da caminhonete foi encaminhado ao hospital de Ibirubá.

Por volta das 9h50min deste domingo, na Avenida Oscar Pereira, em Porto Alegre, um automóvel Ford Ka que trafegava no sentido bairro-centro colidiu contra um poste, deixando um morto no local. O carona, Leandro Silva da Silveira, de 34 anos faleceu no local. O motorista, Bruno dos Passos Benites, 26 anos, foi encaminhado ao Hospital de Pronto Socorro

Outro acidente com vítima aconteceu nesta madrugada em Passo Fundo. Um motociclista morreu após um acidente entre o veículo e um carro. Paulo Roberto de Lima, de 25 anos, foi atingido na avenida Brasil, no bairro Boqueirão, por um Fiat Tempra com placas de Marau. O condutor fugiu do local.

A contagem começou ao meio-dia de sexta-feira. Desde então, oito pessoas morreram em rodovias federais (BRs), cinco em estradas estaduais (RSs) e cinco em ruas ou avenidas. Dos 18 óbitos, seis foram de ocupantes de motocicletas.

Abaixo, o resumo das ocorrências:
Sábado:

Alvorada — Por volta das 20h30min a colisão entre uma moto e um caminhão no km 23 da ERS-118 provocou a morte do motociclista, ainda não aidentificado.

Taquara — Emerson Souza de Oliveira, de 20 anos, estava na carona de um Corsa que bateu em pedras da lateral no km 3 da ERS-115. Foi na noite deste sábado.

Santana do Livramento — Colisão entre Saveiro e Civic matou quatro pessoas no km 504 da BR-158 na tarde deste sábado. No local morreram Paulo Roberto Silva Ribeiro, 29 anos e Débora Assumpção Flain, de 19 anos. No hospital de Rosário morreram Mário Marangone, de 71 anos, e Nedeson José Pereira de Oliveira, de 67 anos. Já o jovem Mário André Marangone, de 25 anos, foi levado em estado grave para o Hospital de Rosário do Sul.

Restinga Seca — Colisão entre moto e caminhonete na ERS-287 provocou a morte de Dilamar Maria Lopes dos Santos Cavalheiro, que estava na garupa da moto.

Pelotas — Carro bateu em poste entre as avenidas Assis Brasil e Fernando Osório, no bairro Três Vendas. Foi por volta das 16h15min deste sábado. Morreu Guiomar Pereira Cardoso, de 42 anos. O filho dele, identificado como Roberson Rodrigues Cardoso, de 11 anos, foi internaso em estado grave no HPS de Pelotas.

Itaara — Caminhonete saiu da pista na BR-158 na manhã deste sábado. Morreu Mariany Keterly Machado, de 22 anos.

— Morro Reuter — Motociclista Rafael Carlos Silveira, de 32 anos, morreu após daída de pista e colisão contra árvore na manhã deste sábado na BR-116.

Gentil — Um Astra bateu em outro carro, saiu da pista no km 254,7 da BR-285 e pegou fogo. Morreu carbonizado Zulmir Júnior Rodrigues Reginatto, de 21 anos. Foi no início da madrugada deste sábado, por volta de 0h10min.


Foto: Polícia Rodoviária Federal / Divulgação
Marau — Veículo com placas de SC saiu da pista na Avenida Júlio Borella, capotou e bateu em um poste. Foi na madrugada deste sábado. Morreu Antônio de Oliveira, de 47 anos.

Gravataí — Por volta das 5h30min deste sábado, motociclista Samuel Rodrigues Martins, de 22 anos, bateu em um poste na Avenida Plínio Gilberto Kroeff, Distrito Industrial. Segundo a BM, ele morreu no local.

Sexta-feira:

— Augusto Pestana — Colisão entre moto e ônibus por volta das 18h30min de sexta-feira provocou a morte de um adolescente de 16 anos na ERS-522.

Bozano — Colisão entre dois Chevettes provocou a morte de Cristiano Santos da Silva, de 26 anos na noite de sexta-feira na BR-285

ZEROHORA.COM


domingo, 4 de setembro de 2011

Jovem morre em acidente de trânsito em Cotiporã/RS

Afonso André Turcatel teve morte instantânea

Um jovem de 22 morreu em um acidente de trânsito, às 23h55min de sábado, na Estrada Bento Gonçalves, no interior do município. De acordo com a Brigada Militar, Afonso André Turcatel seguia pela estrada vicinal em direção a Bento Gonçalves e teria perdido o controle da caminhonete Courier que conduzia, batido em um barranco e capotado. Ele te morte instantânea. O acidente aconteceu próximo à Capela de Nossa Senhora do Rosário, a sete quilômetros do perímetro urbano.
PIONEIRO.COM

 

Jovem músico morto em acidente é velado em São Leopoldo/RS

  Thales Vínícuis dos Santos é uma das vítimas da colisão ocorrida em Pouso Novo

 Sob comoção, dezenas de amigos e familiares participam das despedidas do músico Thales Vinícius dos Santos, 19 anos, velado desde a noite de ontem no Cemitério Municipal de São Leopoldo, no Vale dos Sinos. O jovem é uma das quatro vítimas de um grave acidente, ocorrido na noite de sexta-feira, na rodovia Lajeado-Soledade (BR-386), em Pouso Novo, no Vale do Taquari. Outras 39 pessoas ficaram feridas e três permanecem internadas.


O acidente, que envolveu ainda um ônibus da empresa Expresso Azul e um carregado com fardos de milho de popoca, com placas de Guarulhos (SP), ocorreu às 21h30min de sexta-feira, no km 304 da BR-386.

A bordo de um Celta, Vinícius estava na companhia dos amigos Moisés Cardoso, 23 anos, Carlos Rafael Nunes Santana, 31 anos, e Luiz Gustavo. Dos integrantes do Celta, apenas Gustavo sobreviveu ao acidente. Sílvio Luiz Müller, 39 anos, motorista do caminhão, também morreu. Integrantes do Conjunto Alma de Campo y Rio, Vinícius e os colegas iam para São Miguel dos Oeste (SC) onde participariam da festa de aniversário da avó de um deles.

— O Vinícius estava faceiro com o conjunto. Na quinta-feira, um dia antes do acidente, eles tinham sido contratados para tocar na Expointer, inclusive ganhando cachê — conta a dona de casa Janaína Nunes, 32 anos, tia de Vinícius.

Na cerimônia de despedida, que se iniciou sábado à noite, o joalheiro Marco Aurélio, 45 anos, e a professora Ana Lúcia, 43 anos, pais de Vinícius, estavam inconsoláveis.

— Está sendo bem difícil para eles. O Vinícius era um menino sem vícios, adorado por todos, um anjo que Deus levou da gente — complementa Janaína.

Acadêmico de música na Rede Sinodal de Educação, o jovem, que era o "orgulho da família", sonhava em ser músico profissional. Ele deixa uma irmã de 15 anos. O sepultamento será às 16h. Cardoso será enterrado em Ivoti e Santana em Santa Rosa, no Noroeste do Estado.
ZERO HORA

 

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Colisão entre dois ônibus deixa pelo menos quatro pessoas feridas em Porto Alegre

 

 

Após a colisão entre os dois coletivos, um dos veículos atingiu postes de sinalização e de luz

Pelo menos quatro pessoas ficaram levemente feridas nesta manhã em uma colisão entre dois ônibus da empresa Carris na Avenida Bento Gonçalves, próximo à Rua Barão do Amazonas, na Capital.

Segundo a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), após a colisão entre os dois coletivos, um dos veículos atingiu postes de sinalização e de luz.

Três passageiros e um condutor ficaram feridos.
ZERO HORA

 

domingo, 8 de maio de 2011

Rio Grande do Sul: Trânsito já registra 11 mortes no final de semana no Estado

Último acidente foi registrado na manhã deste domingo, em Farroupilha

Pelo menos 11 pessoas morreram em acidentes de trânsito em ruas, estradas e rodovias gaúchas, desde a noite de sexta-feira até o meio-dia deste domingo.

O útimo acidente foi na localidade de Capela Santo Inácio, em Farroupilha, na Serra. João Luis Morgenstern Almeida, 24 anos, morreu por volta das 6h30min deste domingo, após o Fiesta que ele conduzia e um caminhão chorarem-se frontalmente no Km 111, da RSC-453.

Veja abaixo os 11 acidentes com morte registrados no fim de semana no Estado:

Domingo

Farroupilha -
  João Luis Morgenstern Almeida, 24 anos, morreu em um acidente, no Km 111, da RSC-453, em Farroupilha, por volta das 6h30min. Ele conduzia um Fiesta com placa de Caxias do Sul que chocou-se frontalmente com um caminhão. 

Santa Maria - Um motociclista de 30 anos morreu após colidir com um Fiat Uno, por volta das 5h50min. O acidente aconteceu no km 237 da BR-287.

Parobé - Um homem de aproximadamente 50 anos, ainda não identificado morreu atropelado por um carro na Rua Anísio Prezzi, no bairro Laranjeiras, em Parobé, no Vale do Paranhana. O acidente aconteceu por volta da 1h deste domingo e o motorista do veículo fugiu do local sem prestar socorro.
Viamão - Um homem morreu após colidir o veículo em um poste. O acidente aconteceu na Rua Paim Filho, bairro Planalto, por volta das 2h30min. Mauro Fernando Custódio, 29 anos, que digiria um Gol com placas de Viamão, morreu no local.

Sábado

Dois Irmãos -
Uma mulher morreu ao bater a motocicleta que dirigia contra um carro estacionado. O acidente aconteceu por volta das 19h15min, na Rua Anita Garibaldi, no bairro Bela Vista, em Dois Irmãos, no Vale do Sinos. Marinês de Oliveira Dutra, 37 anos, dirigia uma Honda Biz quando bateu em um Fiat Doblô que estava estacionado na rua sem ninguém dentro.

Seberi - Um Fox, com placas de Erval Seco, e um ônibus colidiram lateralmente. O condutor do carro, Eustorgio de Holando Pedrosa, 46 anos, morreu.

Caxias do Sul - Um homem morreu depois de perder o controle do carro que conduzia em uma estrada de chão de Caxias do Sul, na Serra. Ele despencou cerca de 20 metros e caiu no km 160 da RSC-453. André Belin, 28 anos, dirigia um Corsa, placas de Caxias do Sul, e morreu na hora.

Sapucaia do Sul - Anderson Vieira da Silva, 30 anos, morreu atropelado por volta das 21h, no km 253, 2 da BR-116, na região de Sapucaia do Sul.

Sexta-feira

Esteio/Porto Alegre - Rafael Paim da Silva, 22 anos morreu em um acidente na BR-116, próximo à estação Niterói do Trensurb, em Canoas, quando a moto que ele conduzia e um carro colidiram.

São Leopoldo - Um homem de 29 anos morreu atropelado na avenida São Borja, centro de São Leopoldo. Jocimar Eberhardt, 19 anos, trabalhava como vendedor de abacaxi e foi atingido em cima da calçada por um Fiat Doblô.

Rosário do Sul - O motociclista Emerson Gonçalves da Silva, 29 anos, morreu ao atropelar um pedestre na BR-290, em Rosário do Sul. A colisão ocorreu no km 476 da rodovia. O pedestre foi encaminhado com ferimentos graves ao hospital de Rosário do Sul. 

ZEROHORA.COM

 

domingo, 24 de abril de 2011

Rio Grande do Sul: Pelo menos 26 pessoas morrem no trânsito no feriadão de Páscoa

Este é o feriado mais violento do ano no estado

Um acidente no início da noite deste sábado deixou uma pessoa morta, na RS-324, entre Marau e Passo Fundo. Esta foi a vigésima sexta morte no trânsito desde o início do feriado de Páscoa.

Uma carreta, com placas de Campinas do Sul, carregada com frangos, tombou em uma curva. O motorista ficou preso nas ferragens e morreu. A vítima ainda não foi identificada.

Feriado mais violento do ano no RS
O feriadão de Páscoa se tornou o mais violento do ano, superando o total de vítimas do Carnaval e Ano Novo, que acumularam 20 e 10 mortos.

Deste total de 24 vítimas, foram nove mortes em rodovias estaduais, 13 em federais e duas em zona urbana. O levantamento é realizado por Zero Hora e Rádio Gaúcha. Confira abaixo mais informações sobre os acidentes registrados desde o meio-dia de quarta-feira.

Sexta-feira
Uma colisão frontal entre dois carros na tarde desta sexta-feira na Rota do Sol (ERS-453), em Teutônia, causou a morte de Valdir José Carniel, 46 anos, natural de Salvador do Sul. Ele dirigia um Gol preto, com placas de Teutônia, e morreu no hospital Ouro Branco.

Por volta da 1h, foi registrada a primeira morte do feriadão na Região Central. Anderson Neres Munhos, 19 anos, era passageiro de um táxi que bateu em uma ponte na RSC-357, em Caçapava do Sul. O jovem morreu a caminho de um hospital de Bagé, na Campanha.

Na madrugada desta sexta-feira, na RS-401, em Charqueadas, o pedestre Clênio Brandão Campão morreu depois de ser atropelado, na altura do km 21. O veículo que atingiu a vítima fugiu do local.

Às 2h desta sexta-feira na BR-290, em Eldorado do Sul, uma colisão frontal entre uma carreta e um automóvel Marea vitimou Guilherme Grala Mello, de 24 anos, condutor do carro.
Quinta-feira
O motociclista Valdemir Silva da Silva, 21 anos, morreu na noite de quinta-feira na Estrada Raia do Ipê, zona rural de Cerro Grande do Sul. O jovem colidiu a motocicleta contra um carro. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu no pronto atendimento da cidade.

Armando Soder, 68 anos, também motociclista, trafegava pela Rua Vitor Frederico Baumhard, no Distrito Industrial, em Santa Cruz do Sul, quando bateu na traseira de um caminhão que estava estacionado. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu na noite da última quinta-feira. De acordo com a Polícia Civil, o motociclista não possuía carteira de habilitação.

O condutor de uma motocicleta, Luzimar Zilch, de 33 anos, morreu por volta das 19h na ERS-287, próximo ao trevo de acesso à cidade de Candelária.

Quando três pessoas tentaram atravessar a BR-290, em Pantano Grande, duas morreram atropeladas por um carro. O acidente ocorreu às 18h40min no km 216 da rodovia, na localidade de Vila Farol.

Duas pessoas morreram em uma colisão envolvendo uma carreta e uma motocicleta no km 236 da BR-386, em Soledade, na região Norte. O acidente aconteceu por volta das 15h. As vítimas são a passageira, identificada como Elen Caroline Moi Coelho, 20 anos, e o condutor da moto, Robertinho Xavier, 24 anos, morreram no local.

Na tarde desta quinta-feira, quatro pessoas morreram em um acidente na ERS-400, em Candelária, no Vale do Rio Pardo. O acidente ocorreu por volta das 14h40min e as vítimas estavam todas em um Escort que perdeu o controle e capotou. Os ocupantes Alberi Santos Cavalheiro (pai), 43 anos, Flávio Jeferson Cavalheiro (filho), 22 anos, Paloma Cavalheiro (filha), 12 anos, morreram no local. Bianca Terres Rodrigues, 18 anos (nora) morreu a caminho do hospital. Maria Loreci Cavalheiro (mãe), 39 anos, foi encaminhada ao Hospital de Candelária.

Em Rio Pardo, na BR-290, uma colisão envolvendo um caminhão e um veículo Gol causou a morte do condutor do veículo Pedro Pereira Reses, 38 anos. O motorista do caminhão sofreu lesões graves e foi levado para o Hospital de Butiá.

Antônio Stein, 47 anos, morreu em um acidente no km 25,6 da BR-386, em Frederico Westphalen, no norte do Estado. Ele era passageiro de um táxi Renault Sandero que teria cortado a frente da caminhonete Ford F250, provocando uma colisão transversal.

Também na BR-386, em Frederico Westphalen, uma pessoa morreu e cinco ficaram feridas em acidente no final desta madrugada. O passageiro Jociel André do Nascimento, 20 anos, que estava sem cinto de segurança, morreu na hora. A colisão frontal envolveu um Fiat Uno, com placas de Ametista do Sul, e um Palio Weekend, de Dois Irmãos. O motorista do Uno, foi detido por estar embriagado e conduzido à Delegacia de Polícia de Frederico Westphalen, em flagrante.

Um homem de 49 anos identificado como Acélio Rodrigues dos Passos morreu atropelado na madrugada desta quinta-feira, na Estrada Brasino, em Cerro Grande do Sul. O aposentando estava caminhando na via, que dá acesso a BR-116, e foi atingindo por um Corolla, tendo morrido na hora.

Quarta-feira

Duas pessoas morreram em uma colisão entre dois carros na tarde de quarta-feira na BR-293, em Dom Pedrito. O acidente aconteceu por volta das 17h30min, km 233, em Dom Pedrito. Faleceram os passageiros do Gol, Ivo Melo Postiglione, de 69 anos, e a mulher dele, Neida da Silva Postiglione, de 71.

Um acidente entre um Fusca e um caminhão também na tarde de quarta-feira, no km 640 da BR-392, em Guarani das Missões, matou o idoso Daniel Jaskulski, 71 anos, em Guarani das Missões. O condutor do Fusca tentava atravessar a via e não teria visto a carreta que se aproximava.

Um motorista ainda não identificado morreu ao perder o controle do veículo, sair da BR-392, capotar diversas vezes e cair em um barranco, em Porto Xavier, nas Missões.

Em Fontoura Xavier, um motociclista morreu após acidente no km 263, da BR-386. Cristiano Pértile, de 23 anos, colidiu a moto contra um caminhão, no final da tarde de quarta. Ele chegou a ser socorrido ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

ZEROHORA.COM

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Rio Grande do Sul: Em menos de 24 horas, pelo menos seis pessoas morrem em acidentes no feriado de Páscoa

No município de Dom Pedrito, dois idosos morreram em uma colisão

O feriado de Páscoa começa violento nas estradas gaúchas. Desde o meio-dia de quarta-feira, pelo menos seis pessoas morreram no trânsito.

Na BR-293, em Dom Pedrito, duas pessoas morreram em uma colisão por volta das 17h30min dessa quarta-feira. Morreram Ivo Melo Postiglione, de 69 anos, e a mulher dele, Neida da Silva Postiglione, de 71.

A colisão entre um Fusca e um caminhão na tarde de quarta-feira, no km 640 da BR-392, em Guarani das Missões, matou o idoso Daniel Jaskulski, 71 anos, em Guarani das Missões. Conforme a Brigada Militar, o acidente ocorreu por volta das 16h. Ao tentar acessar a rodovia, o condutor do Fusca não teria visto que a carreta se aproximava. Jaskulski foi arremessado para fora do carro e morreu no local.

Um motorista morreu ao perder o controle do veículo, sair da BR-392 e cair em um penhasco de cerca de 60m. O acidente aconteceu por volta das 20h dessa quarta-feira, em Porto Xavier, nas Missões. Segundo a Brigada Militar, a chuva forte e vento constante podem ter sido o motivo do acidente.

Em Fontoura Xavier, um motociclista morreu após acidente no km- 263, da BR-386. Cristiano Pértile, de 23 anos, colidiu a moto contra um caminhão, no final da tarde de quarta. Ele chegou a ser socorrido ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Na BR-386, em Frederico Westphalen, uma pessoa morreu e outras cinco ficaram feridas em um acidente no final desta madrugada. A colisão frontal envolveu uma Fiat Uno, com placas de Ametista do Sul, e um Pálio Weekend, de Dois Irmãos. A vítima ainda não foi identificada. Os feridos foram levados para o Hospital de Frederico Westphalen.

ZEROHORA.COM

sábado, 26 de março de 2011

GDF admite erro em boletos do IPVA de cerca de 50 mil contribuintes

Cerca de 50 mil contribuintes podem se deparar com valor incorreto do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) na hora de efetuar o pagamento. O problema, segundo a Secretaria de Fazenda do Distrito Federal, ocorreu durante a impressão de um dos lotes das correspondências. Apesar de o valor total cobrado aparecer, no papel, com o desconto do programa Nota Legal, após leitura do código de barras, o que aparece é o preço integral, sem nenhum desconto.

A Secretaria de Fazenda defende que o erro, detectado ainda na semana passada, já foi corrigido. Novos boletos foram impressos e enviados para a casa dos motoristas. A cobrança correta deve ser entregue até a próxima semana. O governo garante que quem recebeu a correspondência com o erro ainda terá tempo para realizar o pagamento. O vencimento da primeira cota poderá ser feito até 19 de abril. Os condutores que realizaram o pagamento com o valor cheio poderão receber a restituição, mas, para isso, precisam entrar em contato com a Secretaria de Fazenda para cobrar a devolução do dinheiro.

O pagamento do IPVA causa polêmica desde o início do ano. Como o ex-governador Rogério Rosso não sancionou dois projetos de lei aprovados pelos deputados distritais — que propunham tanto o desconto para pagamento à vista do IPVA quanto o reajuste nas tabelas usadas para avaliar os automóveis —, a equipe de Agnelo Queiroz foi obrigada a repetir as bases de cálculo do ano anterior. Com isso, 57% dos motoristas não terão redução no valor do tributo cobrado em 2010, apesar da desvalorização dos carros.

Valor de mercado
O IPVA é calculado com base no valor de mercado do veículo. Em cima desse preço, é aplicada a líquota de 3%. Ou seja, o proprietário de um carro avaliado em R$ 20 mil terá que pagar R$ 600 de IPVA neste ano.
Correio Braziliense

Pelo menos 10 pessoas morreram em acidentes neste final de semana no RS

Foram registradas vítimas em Jaguari, Canguçu, Porto Alegre, Igrejinha, Santa Cruz do Sul e Pelotas

Pelo menos 10 pessoas morreram em acidentes no Rio Grande do Sul neste final de semana. Foram registradas vítimas nas cidades de Jaguari, Canguçu, Porto Alegre, Igrejinha, Santa Cruz do Sul e Pelotas, desde o meio-dia de ontem.

Um dos acidentes mais violentos foi em Canguçu, onde duas pessoas morreram depois de um micro-ônibus tombar no km 130 da BR-392. As vítimas são Cely Ferreira dos Santos, 80 anos, e Estela Ávila da Silva, 35, que eram passageiras do veículo.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Pelotas, que atendeu à ocorrência, 22 pessoas, incluindo o motorista, estavam no veículo, e 15 delas ficaram feridas. O micro-ônibus da prefeitura de Canguçu teria aquaplanado na pista por volta das 20h30min.
Em Jaguari, um homem morreu ao bater o carro em uma árvore. O acidente foi por volta das 21h na BR-287. A vítima foi identificada pela PRF como Valter Righi Saikoski, de 65 anos. Segundo a PRF, ele estava sozinho em um Citröen C4 Pallas.
Em Porto Alegre, um motociclista morreu atropelado por um carro depois de se envolver em acidente com outro veículo na noite desta sexta-feira. De acordo com a PRF, houve uma colisão lateral entre moto e carro no km 0,3 da BR-116 que resultou na queda do motociclista por volta das 22h. Depois de cair, Sérgio Antônio Moreira, 41 anos, foi atropelado por um veículo não identificado.
Em Igrejinha, Breno Henck morreu ao ser atropelado por um Focus. O acidente aconteceu por volta das 20h15min no quilômetro seis da ERS-115.
Em Santa Cruz do Sul, um jovem também morreu depois de ficar trinta minutos esperando por atendimento médico em frente ao Hospital Santa Cruz. Júlio César Padilha, 23 anos, se acidentou de motocicleta por volta das 18h30min no Centro de Herveiras.
Uma colisão entre uma bicicleta elétrica e um carro vitimou Neusa Regina Barbosa Pinto, de 42 anos, em Pelotas, no começo da noite de sexta-feira. Por volta das 20h, a ciclista seguia pela Avenida Adolfo Fetter quando foi atingida por um carro. Segundo a Brigada Militar (BM), o condutor não socorreu a vítima, que morreu no local.
Outros acidentes
Mais cedo na sexta-feira, Jayme Alves de Abreu, 76 anos, morreu após ser atropelado por uma EcoSport, em Caxias do Sul. O acidente aconteceu por volta das 14h30min, na Rua Pinheiro Machado, esquina com a Do Guia Lopes.

Em Porto Alegre, uma moto e um carro colidiram na Rua Doutor Sarnento Barata, no bairro Glória, às 13h de ontem. O condutor do veículo fugiu sem prestar socorro. O motociclista Olaci de Jesus Carvalho Guedes, 43 anos, morreu no local.
Também na Capital, o ciclista Pedro Henrique Bonvier Fonseca Rodrigues, de 14 anos, morreu vítima de uma colisão com um caminhão no bairro Glória, em Porto Alegre. O acidente ocorreu por volta das 16h desta sexta-feira na Rua Pedro Boticário, próximo à Avenida Aparício Borges. 
ZEROHORA.COM

 

quarta-feira, 23 de março de 2011

Bagé/RS: Motorista perde controle e colide contra poste de luz

A noite de ontem foi de susto e alívio para a família do comerciante Carlos Antunes, 63, e a esposa Fabiana Borges, 35 anos. 


Pouco mais de um metro separaram um automóvel Siena, placas IPS 6123, da parede da sala de estar da casa. O veículo que trafegava pela avenida General Osório invadiu a calçada, derrubou uma árvore e ficou preso no cabo de aço do poste da rede elétrica.
Há três anos morando no número 1983 de uma das avenidas mais movimentadas da cidade, Antunes disse que ficou perplexo ao abrir a porta e ver um carro pendurado no poste em frente à sua residência. O comerciante reclamou da alta velocidade do trânsito no local. “Eles passam correndo aqui e de noite sempre tem motoqueiro fazendo pega”. Mãe de cinco crianças, Fabiana demonstrava preocupação. “Meus filhos estão sempre brincando aqui na frente. Graças a Deus não tinha ninguém”. Uma das filhas do casal, de oito anos, estava na janela. A criança não sofreu ferimentos apenas levou um susto ao ver o veículo se aproximar.
Conforme moradores das proximidades, o choque provocou um curto nos fios de alta tensão, resultando num clarão, o que chamou a atenção de muitos curiosos. Contudo, o acidente não prejudicou o abastecimento de energia. O motorista, um homem de 42 anos, não quis se pronunciar. Segundo Antunes, um outro homem e um menor também estavam dentro do Siena.
Entre os curiosos e os proprietários da casa ficou a dúvida se o condutor estaria embriagado e qual a velocidade do carro. Segundo os policiais da Brigada Militar, o homem não apresentava sinais de embriaguez, não sendo necessário aplicar o teste do bafômetro. Ainda conforme os brigadianos, nenhum dos presentes quis depor como testemunha do acidente. Para os policiais, o motorista afirmou ter desviado de um motoqueiro perdendo o controle do veículo.
Jornal Minuano

Criança morre em acidente na freeway, em Gravataí/RS

Caminhonete com placas de Santa Catarina saiu da pista no km 59 após o motorista perder o controle do veículo

Uma garota de nove anos morreu por volta do meio-dia desta quarta-feira em um acidente na freeway, em Gravataí. Um caminhonete L200, com placas de Santa Catarina, trafegava pela BR-290 quando, no km 59, sentido Litoral-Capital, o motorista perdeu o controle do veículo e saiu da pista.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o motorista e outra passageira — a mãe e namorado — ficaram ilesos no acidente. A criança, não identificada, morreu na hora.

ZEROHORA.COM

Idoso morre após atropelamento na Capital/RS

Acidente ocorreu na estação de ônibus embaixo do viaduto da 3ª Perimetral

Um idoso foi atropelado por um ônibus na Avenida Benjamin Constant, sentido bairro-centro, em Porto Alegre. O acidente ocorreu na estação de ônibus embaixo do viaduto da 3ª Perimetral. O trânsito ficou bloqueado na rua no final da tarde desta quarta-feira. O idoso teria cerca de 70 anos, segundo a EPTC.
ZERO HORA

 

TCU suspende licitação para a duplicação da BR-116 entre Guaíba e Pelotas

Previsão de R$ 54,6 milhões para a compra de aterro à obra da rodovia levou órgão a suspender o processo

A previsão de R$ 54,6 milhões para a compra de aterro para a duplicação da BR-116 entre Guaíba e Pelotas levou o Tribunal de Contas da União (TCU) a suspender a licitação da obra. A decisão foi tomada pelo ministro Walton Alencar Rodrigues em 14 de fevereiro, mas somente na terça-feira chegou ao conhecimento da bancada gaúcha no Congresso.

Considerado oneroso demais na licitação, o item se refere a indenizações de jazidas. Na prática, trata-se do material que é usado para o aterro do asfalto. O valor é contestado pelo ministro, que considera o gasto desnecessário.

— Nos aterros das rodovias, usualmente, se emprega o solo que se encontra ou na faixa de domínio na rodovia ou próximo, não mediante aquisição, mas a simples retirada desse material para compor esse aterro. É um material abundante, não é explorado comercialmente — explica José Ulisses, secretário de Obras do TCU.

O diretor de Infraestrutura Rodoviária do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit), Hideraldo Caron, informou que o valor se refere a uma média da cotação de mercado do material.

Além dos gastos com o aterro, o TCU também questionou outros R$ 44 milhões, que teriam preços acima do valor de mercado, e outros R$ 16 milhões destinados a gastos com transporte. No total, a obra está orçada em R$ 1 bilhão.

Decisão surpreende prefeito:
A informação surpreendeu o prefeito de Pelotas, Adolfo Antonio Fetter (PP), que viajava pela rodovia no início da noite de terça-feira.

— É uma péssima notícia — disse.

Segundo ele, a duplicação da via está em discussão há pelos menos 10 anos e é urgente desde aquela época. Para Fetter, a estrada é de vital importância para a Região Sul, mas também para todo o Estado.

— Toda a produção do Rio Grande do Sul sai pelo porto de Rio Grande: o fumo de Santa Cruz, os calçados do Vale do Sinos, os móveis de Gramado, a soja do Planalto — argumentou.

ZEROHORA.COM

Rio Grande do Sul: Acidente deixa dois guardas municipais feridos na Capital

Feridos foram encaminhados ao HPS

Um acidente na esquina da Avenida Érico Verissimo com a Rua Botafogo deixou dois guardas municipais feridos na Capital. Segundo a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), eles trafegavam em suas motos pela via e colidiram em um mesmo carro.
Clóvis Roberto de farias, 38 anos, e Paulo César Silva de Castro, 33 anos, foram encaminhados ao Hospital de Pronto Socorro (HPS). O motorista do veículo não se feriu.
ZEROHORA

 

terça-feira, 22 de março de 2011

Ceará: Acidente mata dois e deixa três feridos

Duas pessoas morreram e três ficaram feridas após colisão entre um caminhão e um carro de passeio, por volta das 5h50 da manhã de ontem, em Ocara (a 96km de Fortaleza). O acidente aconteceu no quilômetro 8 da rodovia estadual CE-359.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE-CE), a colisão originou-se depois que o pneu traseiro direito do caminhão (placa de Quixadá-CE) estourou, fazendo com que o veículo tivesse sua velocidade reduzida e tornasse sua parada no acostamento da estrada obrigatória. Sem motivo aparente, o motorista do carro de passeio, um Fiat Pálio (placa de Mombaça-CE), que vinha atrás, não percebeu parada do caminhão e colidiu em sua traseira. Com o impacto, o para-choque traseiro do caminhão atingiu o para-brisa do carro.

Todas as vítimas estavam no Pálio e eram da mesma família. Os dois mortos foram o condutor do veículo, José Ivan Freitas de Melo, 50; e a sua sogra, ocupante do banco do passageiro, Elvira Lima Mota, 79. Os dois ficaram presos nas ferragens, mas foram retirados por uma equipe do Corpo de Bombeiros de Quixeramobim.

Feridos

As pessoas feridas foram identificadas como Maria Lucivalda Mota Melo, de 53 anos; Francisca Elzenira Mota Araújo, de 50; e Tarliton Mota Melo, 25. Todos estavam sentados no banco de trás do automóvel.

Os três foram socorridos por uma ambulância do SAMU e encaminhados para o IJF (Instituto Doutor José Frota), em Fortaleza. Somente Tarliton, com um traumatismo craniano encefálico e um trauma de face, não foi liberado. Apesar da gravidade, a assessoria de imprensa do IJF informou que o jovem está consciente e não necessita de aparelhos para respirar.

Ileso

O motorista do caminhão não sofreu nenhum ferimento. Ele era o único ocupante do veículo maior. A causa do acidente ainda é desconhecida e só deve ser esclarecida por peritos.
Diário do Nordeste

Representantes da Coopatram se reúnem nesta manhã com DFTrans

Depois de onze dias paralisados, os funcionários da Cooperativa dos Profissionais Autônomos de Transporte (Coopatram) podem finalmente conseguir uma negociação com os patrões. Segundo o vice-presidente do Sindicato dos Rodoviários, Jorge Farias, representantes da categoria se reúnem, nesta manhã de terça-feira (22/3), com integrantes do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) para discutir possibilidades para o pagamento dos salários atrasados dos funcionários. A reunião estava prevista para às 11h.

Os 80 micro-ônibus da cooperativa atendem as linhas de Planaltina, Vale do Amanhecer, Arapoanga e Plano Piloto. Desde o último dia 11 nenhum deles sai da garagem.
O possível acordo acontece um dia depois de outras cooperativas iniciarem um movimento de paralisação para pressionar o governo a ajudar os patrões. No mesmo dia, o DFTrans se reuniu com os representantes das cooperativas e acordou que iria tratar do sistema de transporte alternativo do DF. Além disso, o órgão anunciou o remanejamento de itinerários com o objetivo de devolver às cooperativas linhas rentáveis. Ainda foi anunciado o remanejamento de 80 ônibus para operar as linhas da Coopatram, enquanto a categoria continuasse em greve.
Atualmente, os cooperados acumulam dívidas com o Banco de Brasília e instituições financeiras privadas e a venda de passagens das linhas atuais é insuficiente para quitar até mesmo o financiamento dos veículos.
Correio Braziliense

Bahia: Mulher morre em acidente na BA-001

Os cinco passageiros do Ford Fiesta foram atendidos por uma ambulância do SAMU e encaminhados ao Hospital Geral de Itaparica


Jovanice Souza dos Santos, de 24 anos, morreu por volta das 3h30 desta madrugada depois que o motorista do carro em que estava perdeu o controle do veículo e capotou na Curva da Penha. O acidente aconteceu na BA-001, km 05, em Bom Despacho, no entroncamento de São Roque.
Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual, os cinco passageiros do Ford Fiesta foram atendidos por uma ambulância do SAMU e encaminhados ao Hospital Geral de Itaparica. Ainda não há notícias sobre o estado de saúde das vítimas.
Correio da Bahia

 

Homem morre em acidente entre carro e caminhão na região central do Estado

Mulher que estava na carona do carro ficou levemente ferida na colisão

Uma colisão entre um caminhão e um veículo Chevette deixou um morto em São Pedro do Sul, na região central do Estado. O acidente aconteceu no km 279 da BR-287 no início da madrugada.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o condutor do automóvel Renato Hasselmann, de 32 anos, morreu no local. A passageira do Chevette, de 23 anos, ficou levemente ferida e foi encaminhada ao hospital do município pelos Bombeiros. O motorista do caminhão não se feriu.

ZEROHORA.COM

Acidente perto do trevo de acesso de São Pedro do Sul deixa um morto e um ferido

Motorista perdeu o controle do veículo e colidiu frontalmente com barreira

Renato Hasselman, de 32 anos, motorista de um Chevete de Santa Maria, morreu no início da madrugada desta terça-feira em acidente ocorrido na altura do km 279 da BR-287, em São Pedro do Sul, região central do Estado .A colisão frontal com uma barreira ocorreu  a três quilometros do trevo de entrada do municipio no sentido Santa Maria-São Pedro do Sul. Renato morreu no local e a carona Marisete Santos Aguirra, de 23 anos, ficou ferida e foi atendida no Hospital de São Pedro do Sul.


Fonte: Renato Oliveira / Rádio Guaíba

segunda-feira, 21 de março de 2011

Alexandre Garcia (Globo): "As estatísticas nos enganam. Morremos muito mais no trânsito do que pensamos".

A GUERRA SILENCIOSA DO TRÂNSITO


- Você sabia: Quase 70% das vítimas de #acidentes de trânsito internadas no Hospital Sarah não estavam usando o cinto de segurança.

- Segundo a Universidade do Rio Grande do Sul, morrem 80 mil pessoas por ano no trânsito do país. 80 mil divididos por 365 = 219 mortes dia.

- Morrer no trânsito virou banalidade. 200 #brasileiros anônimos morrem todos os dias. O trânsito mata mais que guerras e terrorismo no mundo.
 
- Brasil: O Custo econômico dos ferimentos decorrentes de #acidentes de trânsito é estimado em 1,5% do PIB.

- Alexandre Garcia: "Se a cada dia caísse um avião com 154 passageiros, isso geraria uma comoção nacional. Morrem 219 por dia nas estradas".
 
- No mundo, acidentes no trânsito causam 1,3 milhão mortos/ano ou uma morte a cada 30 segundos, conforme OMS. 

- 80 mil brasileiros morrem e 1 milhão de pessoas têm lesões irreversíveis após #acidentes de trânsito, por ano. É hipnose coletiva.

- REPORTAGEM DA WebMotors (17/06/2009): Sobreviventes de uma colisão, que seria fatal, devem a vida 70% ao cinto e 30% ao airbag. 
 
- Saiba que o AIRBAG é um suplemento do Cinto de Segurança. Sem usar o Cinto, de nada adianta o carro ter 10 airbags. 

- Acidente de trânsito é o segundo maior problema de saúde pública do Brasil, perdendo apenas para a desnutrição.
 
- O trânsito é a terceira causa de morte do país ficando atrás apenas das doenças do coração e do câncer. 
 
- Mais de 50% dos leitos em hospitais são ocupados por vitimas de acidente de trânsito. 

- Para cada pessoa que morre no trânsito, duas ficam inválidas e sete ficam com seqüelas. 
 
- 40% das mortes em acidentes são causadas por choque em para-brisas ou o painel de instrumentos. 
 
- 30% das lesões fatais em colisões foram causadas porque a vítima bateu contra o volante.  
 
- 8 em cada 10 pessoas que não usavam cinto de segurança morreram em acidentes com pelo menos um dos veículos a menos de 20 Km/h .
 
- Uma em cada 5 lesões aconteceu porque pessoas dentro do veículo bateram-se umas contra as outras (SEM CINTO). 
 
- Cinto de segurança é ignorado por 90% dos que ocupam os assentos traseiros.
 
- O trânsito faz tantas vítimas no mundo que a OMS elegeu o tema para a campanha da próxima década 2010 a 2020.

- A guerra das Malvinas durou 74 dias. Número de mortos: 907. No trânsito brasileiro morrem 14 mil e oitocentas pessoas em 74 dias.

- DENATRAN: Apenas #dois em cada dez jovens (21,6%) afirmaram utilizar sempre o cinto de segurança... http://bit.ly/cBxGZO

- O Cinto de Segurança é tido como "adereço" para evitar multas. 
 
- O Governo gasta 30 bilhões por ano com acidentes de trânsito. 
 
- Cinto de segurança reduz em até 75% o risco de morte em caso de acidente http://glo.bo/eFsWKv

- Em ônibus intermunicipal e interestadual, somente 5% dos passageiros usam cinto de segurança. A vida por um fio (SINDEMOSC). 

- Número de mortes em estradas federais no Carnaval é 47,9% maior que em 2010.

- O Sistema Externo de Controle do Cinto é um projeto 100% brasileiro. Está com o DENATRAN desde março/2009.

- Projeto SISTECC (Sistema Externo de Controle do Cinto de Segurança), não precisa passar pelo congresso, basta Resolução do #CONTRAN.

- Segundo o Dr. em Segurança do Trânsito, David D. Lima, o cinto reduz em 50% as mortes. É urgente a implantação do #SISTECC.

- Somos a favor da educação para o trânsito, mas é preciso também outros instrumentos para salvar vidas hoje. Para que “pardais” então, bastariam placas de sinalização.
Sigam nosso twitter: @cintosalva

Colisão entre carro e caminhonete deixa um morto em Passo Fundo

Luiz Carlos Pilla, de 46 anos, morreu no local do acidente, na RS-135

Um homem morreu por volta das 18h em acidente na RS-135, em Passo Fundo. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, a vítima, Luiz Carlos Pilla, de 46 anos, bateu o carro que dirigia em uma caminhonete, com placas de Ciríaco. Ele estava sozinho no veículo e morreu no local. O motorista do outro veículo não ficou ferido.
Pioneiro

Acidente entre carro e Kombi provoca uma morte no bairro Coqueiros, em Florianópolis

Fiat uno passava pela Avenida Engenheiro Max de Souza quando a kombi cruzou a via

Um acidente, por volta de 13h desta segunda-feira, envolvendo uma Kombi e um Fiat uno em frente ao Parque de Coqueiros, em Florianópolis, provocou a morte de um homem.

De acordo com a Guarda Municipal, o Fiat Uno, com quarto passageiros, passava pela Avenida Engenheiro Max de Souza quando uma Kombi cruzou a rua.

O motorista do Fiat ainda tentou frear. Ainda assim, o impacto fez com que a Kombi tombasse sobre o canteiro central. Um dos passageiros do Uno morreu no local. Segundo informações da Guarda Municipal, a vítima estaria sem cinto de segurança.

Diário Catarinense

2,5 mil pessoas participam de passeio ciclístico em Porto Alegre

Evento faz parte das comemorações dos 239 anos da cidade.Em nota, prefeito diz que busca intensificar ações de respeito ao ciclistas

Cerca de 2,5 mil pessoas participaram de um passeio ciclístico em Porto Alegre, na manhã deste domingo (20), segundo estimativa da prefeitura. O evento, que faz parte das comemorações dos 239 anos da cidade, contou com a presença do prefeito José Fortunati.

Em nota, o prefeito afirmou que "a bicicleta é um meio de transporte de trabalho e lazer muito importante" e completou que busca "cada vez mais intensificar ações de respeito e proteção aos ciclistas".

Em 25 de fevereiro, o funcionário público Ricardo Neis atropelou dezenas de ciclistas na esquina das ruas José do Patrocínio e Luiz Afonso, também em Porto Alegre. O motorista teve a prisão decretada e permanece no Presídio Central da capital gaúcha.

O passeio ciclístico teve um percurso total de seis quilômetros.

Gazeta Online

Número de veículos no Estado cresceu 67% nos últimos 5 anos; no Sudeste, aumento foi de 52%

Nada mais parece frear o crescimento da frota de veículos no Espírito Santo. Uma prova disso é que nos últimos cinco anos o Estado registrou o maior aumento no números de carros, motos, caminhões e outros 15 tipos de meios de transporte que circulam pelas ruas, em toda a Região Sudeste. São 67% a mais, superando a média nacional, que cresceu 54%, segundo dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Sobre rodas - Confira os números do crescimento da frota

Os dados apontam que existem hoje 1.262.848 veículos nas ruas e estradas capixabas. Há cinco anos, esse total somava 753.475. Considerando que o Espírito Santo tem 3.512.672 habitantes, de acordo com o IBGE, já trafega por aqui um veículo para cada 2,7 pessoas.

Os números, para a diretora técnica do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Rosane Giuberti, apresentam dois significados distintos: o reflexo do crescimento econômico do país e um agravamento dos problemas de lentidão no trânsito e nos danos ambientais.

Comparando os números do Estado com os nossos vizinhos do Sudeste, no intervalo de cinco anos o aumento da frota em Minas Gerais foi de 67%; em São Paulo, de 44%; e no Rio de Janeiro, de 40%. O crescimento capixaba foi o 19º maior do país.

Também entre 2005 e 2010, o número de motos foi o que mais cresceu (114%), chegando a 351.752. O número chega perto da metade da quantidade de carros (653.018).

Quatro vezes mais motocicletas em 10 anos

Na última década, o número de motos que circulam pelas ruas do Estado cresceu quatro vezes, pulando de 85.873 para 351.752. Esse também foi o maior aumento do Sudeste. As motocicletas já representam cerca de 30% de toda a frota de veículos do Estado.

Vila Velha é o município que contém o maior número de motocicletas. São 30.286, o que representa 8,5 % do total de todo o Estado. Vitória aparece na quinta colocação, com 18.745. A média do crescimento do número de motos no Estado gira em torno de 16% ao ano, e segundo a diretora técnica do Detran, Rosane Giuberti, esse dado reflete o aumento da oportunidade de empregos que exigem uso desse veículo.

Esse dado também tem sido fundamental para o crescimento do índice de acidentes envolvendo motociclistas. Entre 2008 e 2009 o número cresceu 130% e, apenas no ano passado, foram registradas 79 mortes no Estado.

Análise

Reflexo da renda maior

João Renato Prandina.
Eng. Civil e Professor de Transportes


O crescimento da frota de veículos não representa, diretamente, uma queda no número de usuários do transporte público. Esse número, na verdade, está ligado ao aumento da população e da renda. Mas o dado é determinante, por exemplo, para um problema grave: um aumento exacerbado dos tempos de viagens dos veículos, chegado ao ponto de que a elevação do fluxo de veículos acabe trazendo o usuário de volta ao coletivo. Para se ter uma ideia, a curva ascendente da quantidade de veículos no país foi fundamental para que o tempo médio de viagem de ônibus registrado na última década crescesse 19 %. Nesse período, o tempo gasto por carros nas viagens cresceu 67%.
Gazeta Online

Morre segunda vítima de acidente ocorrido domingo em Pelotas

Osmar Santos da Rosa, 59 anos, havia sido internado com ferimentos graves

Morreu na madrugada desta segunda-feira, no Pronto Socorro de Pelotas, o motorista do Gol com placas de Capão do Leão envolvido em um acidente na BR-392 na tarde de domingo. Osmar Santos da Rosa, 59 anos, havia sido internado com ferimentos graves e não resistiu. Onécio Haiton Gotzke da Silva, 47 anos, que estava na carona do carro, morreu na hora.

O veículo colidiu com uma caminhonete Ford Ranger, com placas de Pelotas, no km 76 da rodovia. O motorista da caminhonete sofreu apenas ferimentos leves.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, os veículos seguiam em sentido contrário quando o Gol cruzou a frente da caminhonete para entrar, à esquerda, em um restaurante na beira da estrada. O motorista do carro não teria obedecido a regra de aguardar no acostamento antes de cruzar a pista, e o veículo foi atingido pelo lado da porta do carona.

ZEROHORA.COM

Motoristas enfrentam 13 quilômetros de lentidão na BR-116 nesta manhã

Acidentes envolvendo motocicletas prejudicaram ainda mais o trânsito na região

A manhã desta segunda-feira começou com transtornos no trânsito para os motoristas que chegavam à Capital pela BR-116. A rodovia registrou lentidão de cerca de 13 quilômetros no sentido interior-Capital, entre Esteio e Canoas. Da mesma forma, o sentido contrário apresentou fluxo intenso a partir das imediações do aeroporto Salgado Filho.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), algumas ocorrências leves também prejudicaram o tráfego na rodovia.

Dois acidentes envolvendo motocicletas aumentaram ainda mais o congestionamento na estrada. O primeiro ocorreu em uma via lateral de Esteio, próximo à Refap, e deixou o condutor ferido com gravidade. Em seguida, a PRF enfrentou dificuldades na remoção de dois veículos que haviam colidido na região da estação Niterói do Trensurb, em Canoas.
Foto:Ronaldo Bernardi
ZERO HORA